Cerimônia e festa de casamento com bom gosto

Fazer a cerimônia e festa com bom gosto é o sonho de todo mundo que está casando. Mas o que é bom gosto? O que é bom gosto para alguns, pode não ser para outros. Para alguns, talvez a maioria, bom gosto está relacionado com a escolha da roupa, do local, da decoração, da comida, da música e assim por diante. É claro que ter bom gosto em tudo isso é essencial. Mas isso é básico. Para mim, todavia, bom gosto é muito mais uma questão de educação, e aí entra a atitude dos noivos e da família em relação a diversos aspectos da organização da cerimônia e da festa de casamento. Os aspectos são muitos, e vou falar só sobre alguns. Depois de participar de algumas dezenas de casamentos, acho que posso dar meus pitacos sobre esse assunto.

Local e horário da cerimônia

Bom gosto na escolha do local não é simplesmente uma questão de escolher um local bonito e que seja a cara dos noivos. É preciso escolher um local que comporte confortavelmente a quantidade de convidados. Infelizmente, não raro percebemos que o local não comporta a quantidade de convidados. Às vezes, as cadeiras acabam ficando muito próximas umas das outras, isso quando tem cadeira para todo mundo. Por exemplo, às vezes uma mesa é feita para quatro ou seis pessoas no máximo, mas não é difícil encontrar casamentos em que se colocam oito ou dez pessoas em mesas de no máximo seis.

Outro aspecto é o horário. Não é porque esse é o dia dos noivos que todos os demais [convidados] vão parar a vida para estarem presentes ao casamento e esperarem a noiva entrar. Então, para escolher o horário, é preciso levar em consideração a rotina dos convidados e o dia da semana. Casamentos durante a semana (com exceção de feriados), devem começar mais tarde. Sugiro às 20hs. E detalhe: não devem atrasar nem um minuto, pois já estão começando muito tarde. Deixe isso claro no convite, para não ocorrer depois de um convidado dizer que não foi avisado. Aliás, não entendo porque gostam tanto de atrasar o início das cerimônias. Atrasar não é nada chique. Atrasar na verdade é uma grande falta de educação e respeito tanto para com os convidados que chegaram no horário, como para com todos os demais profissionais que estão trabalhando. Pense nisso.

É muito comum as cerimônias atrasarem por causa de padrinhos e madrinhas que ainda não chegaram. Por mais importantes que essas pessoas sejam para os noivos, atrasar o casamento por causa deles passa uma mensagem para os demais convidados: de que todos os demais convidados são menos importantes. Se fosse o meu casamento, simplesmente cortava eles e pronto. Inclusive, a quantidade de pessoas que vão entrar também é uma questão de bom gosto e bom senso, e quanto mais gente, maior é a chance de alguém chegar atrasado. Então menos é mais. As únicas pessoas imprescindíveis na entrada da cerimônia, na verdade, são o noivo e a noiva. O resto que chegue no horário se quiser ter a honra de entrar na frente da noiva. Se alguém atrasar, corte. Os demais convidados agradecem -- o cerimonial, os fotógrafos e o pessoal do buffet e da segurança também ;)

Duração da cerimônia

Já presenciei todo tipo de cerimônia, algumas duraram apenas 10 min e outras chegaram ao absurdo de 3 horas ou mais. Com todo respeito às crenças de cada um, acho que é sempre melhor fazer uma cerimônia rápida. Isso vale também para quando a cerimônia não é religiosa. Infelizmente, alguns juízes de paz se acham no direito de dar conselhos de casamentos, e acabam fazendo longos discursos. Mas no caso das cerimônias religiosas, devemos ter em mente que nem todos os convidados compartilham as mesmas crenças que os noivos e é não é elegante obriga-los a participar de um ritual com o qual eles não concordam ou não estão acostumados. Então, por uma questão de bom gosto, e aqui estou falando de respeito a todos os seus convidados, faça uma cerimônia simples. A dica é se concentrar no casamento em si e evitar realizar um culto completo. Acredito que uma cerimônia religiosa possa ser feita de 30 min a 1 hora no máximo. Mais do que isso vai deixar seus convidados impacientes, constrangidos dependendo das crenças deles e, dependendo do horário, pode gerar muito desconforto devido a fome, sede, calor, frio etc...

Inicio dos serviços do buffet e bolo

Aqui cabem as mesmas considerações já feitas para o início da cerimônia. Se a cerimônia começou por volta de 20hs, deve ter terminado umas 21hs ou mais. E se a proposta é servir um jantar, o buffet deve ser aberto logo, no máximo em 30 min depois que todos se acomodarem. Lembre-se que por conta da correria para se arrumar, muitos convidados sequer terão lanchado antes do início da cerimônia, alguns às vezes nem almoçam, então já estarão com muuuuuuita fome no início da noite. Comece servindo as bebidas e os "salgadinhos", mas parta logo para o buffet o quanto antes. Isso vai contribuir para um melhor aproveitamento da pista de dança, se houver. Afinal, 'saco vazio não fica de pé'.

O bolo, então, deve ser servido no máximo 2 horas após o início da festa. Recomendo até servir antes e aproveitar que todos ainda estão presentes para fazer algumas fotos perto do bolo. Daí, quem estiver cansado ou com sono ficará muito mais a vontade de ir embora sem sentir aquela culpa por não ter esperado o bolo.

Após o buffet e bolo, continue com o serviço de bebidas e "salgadinhos" para os que continuarem na festa. Servir logo o buffet e o bolo também evitará que os convidados bebam muito com o estômago vazio e passem mal, o que é muito comum.